φύσις κόσμος αίων κρόνος καιρός

A NATUREZA E O TEMPO (O MUNDO)


l retornar l





bibliografia citada



Bactris hirta Mart. [as Bactris unaensis Barb. Rodr.].
Barbosa Rodrigues, J..Sertum palmarum brasiliensium, vol. 2: t. 17 (1903)

Disponível em http://plantillustrations.org/illustration.php?id_illustration=59667
Acesso em 14/01/2016.



BIBLIOGRAFIA CITADA

  • AGAMBEN, Giorgio. O que é o contemporâneo? e outros ensaios. Tradução Vinícius Nicastro Honesko. Chapecó: Argos, 2009.
  • ARENDT, Hannah. A condição humana. Trad. Roberto Raposo. Rio de Janeiro: Forense, 2004 (1958)
  • ASHERI, David. O Estado Persa. tradução: Paulo Butti. São Paulo: Perspectiva, 2006
  • BERTRAND, Georges. Paisagem e geografia física global. esboço metodológico. Tradução: Olga Cruz. Caderno de Ciências da Terra. Instituto de Geografia da Universidade de São Paulo, n. 13, 1972.[1968]
  • BUCKERIDGE, Marcos. A biologia sintética e a bioenergia como a descoberta de que é possível transferir um genoma criado em laboratório pode afetar as tecnologias para biocombustíveis. São Paulo: Revista Pesquisa FAPESP, ED. 172, JUNHO 2010. Disponível em http://revistapesquisa.fapesp.br/2010/06/25/a-s%C3%ADntese-da-cria%C3%A7%C3%A3o/?cat=ciencia acesso em 28/03/2016.
  • CROSBY, Alfred W. Imperialismo ecológico. A expansão biológica da Europa: 900-1900. São Paulo, Companhia das Letras, 1993.
  • DAWSON, Christopher. Historia de la cultura cristiana. Compilación , tradución e introdución Heberto Verduzco Hernández. México, FCE, 2006. [1929 a 1953]
  • DEAN, Warren. A ferro e fogo : a história e a devastação da mata atlântica brasileira. Tradução Cid Knipel Moreira. São Paulo: Companhia das Letras, 1996
  • FAURE, Élie [1873-1937]. A arte antiga [1909]. Trad Álvaro Cabral. São Paulo: Martins Fontes, 1990
  • FORMAN, R. T. T. & GODRON, M. Landscape ecology. New York: John Wiley and Sons, 1986.
  • HADOT, Pierre. O véu de Ísis. Ensaio sobre a história da idéia de natureza. Trad.: Mariana Sérvulo. São Paulo: Loyola, 2004.
  • HAMBURGER, Esther. Diluindo fronteiras: a televisão e as novelas no cotidiano. In NOVAES, Fernando (org). História da vida privada no Brasil, vol. 4. São Paulo, Companhia das Letras, 1998.
  • JANSON, H. W. História da Arte. [1986] Trad. J. A. Ferreira de Almeida e maria Manuela Rocheta Santos, colab Jacinta maria Matos. 5a. ed. São Paulo: Martins Fontes, 1992
  • LEFEBVRE, Henry. The Production of Space. Trad. Donald Nicholson-Smith. UK: Blackwell Publishing, 1991.
  • LENOBLE, Robert. História da ideia de natureza. Lisboa, Edições 70, 1990.
  • MARTINS, Roberto de Andrade. A doutrina das causas finais na Antiguidade. 2. A teleologia na natureza, segundo Aristóteles. São Paulo: Associação Brasileira de Filosofia e História da Biologia (ABFHiB). Filosofia e História da Biologia, v. 8, n. 2, p. 167-209, 2013
  • MEIDANIS, João. Craig Venter, um bem necessário. São Paulo: Revista Pesquisa FAPESP, ED. 172, JUNHO 2010. Disponível em http://revistapesquisa.fapesp.br/2010/06/25/a-s%C3%ADntese-da-cria%C3%A7%C3%A3o/?cat=ciencia acesso em 28/03/2016.
  • MORIN, Edgar. Amor, poesia, sabedoria. Tradução Edgar de Assis carvalho, 7a ed. Rio de Janeiro: Bertrand Brasil, 2005
  • MUNFORD, Lewis. A cidade na história. Suas origens, transformações e perspectivas. [1961] Trad. Neil R. da Silva. 2a ed. São Paulo: Martins Fontes, 1982
  • NOGUEIRA, Salvador. O nome de Deus é Craig Venter. O geneticista americano está a um passo de ser o primeiro homem a criar vida em laboratório. Edição 244, Outubro de 2007. Disponível em http://super.abril.com.br/ciencia/o-nome-de-deus-e-craig-venter acesso 28/03/2016.
  • PIVETTA, Marcos. A síntese da criação. Primeiro organismo controlado por genoma artificial prova que o DNA é realmente a receita química da vida. São Paulo: Revista Pesquisa FAPESP, ED. 172, JUNHO 2010. Disponível em http://revistapesquisa.fapesp.br/2010/06/25/a-s%C3%ADntese-da-cria%C3%A7%C3%A3o/?cat=ciencia acesso em 28/03/2016.
  • ROSENTHAL, Dália. Joseph Beuys: o elemento material como agente social. ARS (São Paulo), São Paulo , v. 9, n. 18, p. 110-133, 2011 .
  • ROSSET, Clément. A anti-natureza. Elementos para uma filosofia trágica. [1973] Trad. Getulio Puell. Rio de Janeiro: Espaço e Tempo, 1989
  • SANTOS, Milton. A Natureza do Espaço. São Paulo: EDUSP, 2002.
  • SCHAMA, Simon. Paisagem e memória. Tradução Hildegard Feist. São Paulo: Companhia das Letras, 1996.
  • THOMAS, Keith. O homem e o mundo natural. Mudanças de atitudes em relação às plantas e aos animais (1500-1800) (1983). Trad. João Roberto Martins Fo. São Paulo: Companhia das Letras, 1988
  • TRIGO, Luciano. A grande Feira. Uma reação ao vale-tudo na arte contemporânea. Rio de Janeiro: Record, 2009.
  • VIVEIROS DE CASTRO, Eduardo. O nativo relativo. Mana, Rio de Janeiro, v. 8, n. 1, 2002. Disponível em http://www.scielo.br Acesso em 26 Jan. 2011.
  • YANO, Célio. Cientistas criam vida artificial em laboratório. Revista EXAME.com, 20/05/2010, disponível em http://exame.abril.com.br/tecnologia/noticias/cientistas-criam-vida-artificial-laboratorio-561878 acesso em 28/03/2016.
  • ZATS, Mayana. O impacto da transformação de uma vida em outra. Feito tecnológico de Venter causou revolução midiática como a clonagem da ovelha Dolly em 1996. São Paulo: Revista Pesquisa FAPESP, ED. 172, JUNHO 2010. Disponível em http://revistapesquisa.fapesp.br/2010/06/25/a-s%C3%ADntese-da-cria%C3%A7%C3%A3o/?cat=ciencia acesso em 28/03/2016.
  • ŽIŽEK, Slavoj. O amor impiedoso (ou: sobre a crença). Trad. Lucas Mello Carvalho Ribeiro. 2a. ed. Belo Horizonte: Autêntica, 2015.


DO AUTOR
  • 1993. SANDEVILLE JR., Euler. A herança da paisagem. Orientador: Miranda Martinelli Magnoli. São Paulo: Dissertação de Mestrado, Faculdade de Arquitetura e Urbanismo, Universidade de São Paulo, 1993.
  • 1999. SANDEVILLE JR., Euler. As sombras da floresta. Vegetação, paisagem e cultura no Brasil. Orientador: Miranda Martinelli Magnoli. São Paulo: Tese de Doutoramento, Faculdade de Arquitetura e Urbanismo, Universidade de São Paulo, 1999.
  • 2002. SANDEVILLE JUNIOR, Euler. A paisagem natural tropical e sua apropriação para o turismo. In: Turismo e Paisagem. São Paulo : Contexto, 2002, p. 141-159.
  • 2002. SANDEVILLE JR., Euler. Memorial para um, ano novo e para um novo milênio. São Paulo: Revista Brasil, 2002b.
  • 2003. SANDEVILLE JUNIOR, Euler . Espiral da sensibilidade e do conhecimento. Memorial 2003, Disponível em http://www.espiral.fau.usp.br/e-arquivos/e-ensaios/2003espiral.pdf acesso em 10/03/2016.
  • 2007. SANDEVILLE JR., Euler. Disciplina e Conhecimento. In Anais do Seminário Ensino de Arquitetura e Urbanismo. São Paulo: FAU USP, 2007a.
  • 2007. SANDEVILLE JR., Euler. Fundamentos In: Seminário Ensino Arquitetura e Urbanismo São Paulo: FAUUSP, 2007b.
  • 2007. SANDEVILLE JR., Euler. Participação e universidade. Universidade e participação In: Seminário Nacional Paisagem e Participação: Práticas no Espaço Livre Público, São Paulo, 2007c,
  • 2008. SANDEVILLE JUNIOR, Euler. Manifesto Espiral. São Paulo: Cidade Sem Nome (http://www.cidadesemnome.org.br) n. 6, 2008 Disponível em http://www.espiral.fau.usp.br/e-arquivos/e-publicacoes/2008Euler-manifestoespiral.pdf acesso em 10/03/2016.
  • 2010. SANDEVILLE JR., Euler. Paisagens vivenciadas, educação-pesquisa-aprendizado em ação. Anais do 10 ENEPEA - Encontro Nacional de Ensino de Paisagismo em Escolas de Arquitetura. Porto Alegre: PUCRS, 2010
  • 2010. SANDEVILLE JR., Euler, SUGUIMOTO, Flávia Tiemi. Ecoturismo e (Des) Educação Ambiental. Revista Brasileira de Ecoturismo, v.3, p.1 , 2010.
  • 2011. SANDEVILLE JR., Euler. Paisagens partilhadas. São Paulo, Livre Docência, FAUUSP, 2011, 2 vol.
  • 2011. SANDEVILLE JR., Euler, SIQUEIRA, Rafael, NEBESNYJ, Larissa Elize. Por Espaços de Cultura Livre e Ativa na Cidade de São Paulo In: A Cultura em Luta pela Paz ed.São Paulo: Secretaria Municipal de Cultura, 2011.
  • 2012. SANDEVILLE JR., Euler . Por um cotidiano criativo.. In: 11 ENEPEA, 2012, Campo Grande. Anais do 11 ENEPEA, 2012. v. 1. p. 1-1.
  • 2012. SANDEVILLE JUNIOR, Euler. Por pedagogias participantes e criativas na paisagem e no ambiente. São Paulo: Paisagem e Ambiente, 30 (2012), p. 89-106.
  • 2012. SANDEVILLE JUNIOR, Euler, IKEMATSU, Priscila, RADOLL, Gabriella, MIKETEN, Simone. Dinâmicas urbanas e pesquisas do núcleo de estudos da paisagem na área de mananciais. São Paulo: Paisagem e Ambiente, 30 (2012), p. 107-122.
  • 2012. MACHADO, Cecilia Maria de Moraes, SANDEVILLE JUNIOR, Euler.Uma experiência de estudo colaborativo de paisagens na Brasilândia, São Paulo. São Paulo: Paisagem e Ambiente, 30 (2012), p. 29-44.
  • 2013. SANDEVILLE JUNIOR, Euler. Aprendizagem em ação: Por pedagogias participantes e criativas na paisagem e no ambiente. Por um cotidiano criativo. São Paulo: Espiral da Sensibilidade e do Conhecimento, disponível em espiral.fau.usp.br, acesso junho de 2013
  • 2014. SANDEVILLE JR., Euler; MANFRÉ, Eliane. Cultura e Paisagem, uma nova perspectiva no tecido urbano. São Paulo: Observatório das Metrópoles, 2014. Disponível em https://observasp.wordpress.com/2014/11/25/cultura-e-paisagem-uma-nova-perspectiva-no-tecido-urbano/








http://anaturezaeotempo.net.br
uma proposta de euler sandeville