a aurora na neblina

OS TEMPOS E OS MUNDOS: SOBRE A ANTIGUIDADE DOS MUNDOS

A LONGA ANTIGUIDADE DOS MUNDO I
A AURORA NA NEBLINA (os relatos das origens, até o neolítico)
Nossa Terra Incognita: amnésia e imaginação: hic sunt dracones [1]

Os ruídos do silêncio…

 

Euler Sandeville Jr.

 

Pesquisar é indagar a existência.
φύσις κόσμος αίων κρόνος καιρός
este mundo está em guerra, embora muitos de nós desejem a paz

 

 

ARTIGOS

APRESENTAÇÃO DA SEÇÃO A AURORA NA NEBLINA. Euler Sandeville Jr. Ensaio de abertura da seção, retomando algumas descobertas da arte rupestre e nosso modo devassar um passado hoje silencioso.

O BISÃO NA CAVERNA (ARTEFATOS E ARTIFÍCIOS). Euler Sandeville Jr. Ensaio problematizado narrativas das origens e a tensão entre criação e evolucionismo.

ENXERGAR O FUNDO DO LAGO PARA VER DURANTE A TEMPESTADE (sobre criacionismo e evolucionismo, disputas sobre as origens e o presente). Euler Sandeville Jr. Página sobre criacionismo e evolucionismo, disputas sobre as origens e o presente.

 

Sintamo-nos convidados a adentrar nesta seção a longa antiguidade dos mundos.

“Pesquisadores da Universidade de Oregon, nos Estados Unidos, descreveram uma nova espécie de planta graças à descoberta de flores fossilizadas dentro de pedaços de âmbar que têm pelo menos 15 milhões de anos. (…) A nova planta, batizada de Strychnos electri, pertence ao gênero de arbustos tropicais e árvores conhecidos por produzir a toxina estricnina. (…) Mas essas plantas também são da família das “asterídeas”, que inclui mais de 80 mil plantas floríferas – até mesmo muitas que são de consumo humano, como a batata, o café e o girassol”.
Disponível em Cientistas descobrem flor ‘intacta’ em fóssil de 15 milhões de anos [16/02/2016] noticias.uol.com.br/ciencia/ultimas-noticias/bbc/2016/02/16/cientistas-descobrem-flor-intacta-em-fossil-de-15-milhoes-de-anos.htm acesso em 17/02/2016, a mesma matéria, com mesmo título Disponível em bbc.com/portuguese/noticias/2016/02/160216_flor_fossil_descoberta_fn.shtml?ocid=socialflow_twitter

______________________
NOTAS

1 Frase utilizada em certo mapa medieval. Era comum na cartografia medieval também a representação de dragões e criaturas sobrenaturais. No entanto, a frase também é utilizada por programadores. No Mozilla Firefox a frase aparece quando se digita “about:config” acessando o ambiente de programação do navegador. informação disponível em https://pt.wikipedia.org/wiki/Hic_sunt_dracones↑.

 

Foto Euler Sandeville, Folha, detalhe, 2009.

Folha, detalhe. Foto de Euler Sandeville, 2009.

 

 

 

 

 

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s