planetário ∞

Planetário. Os tempos e os mundos. A passagem dos tempos e dos lugares∞.
Euler Sandeville Jr.
jul 2018 (aprveitando o planetário do projeto anterior code4557687196 de 2008)

 

“A Terra é a própria quintessência da condição humana e, ao que sabemos, sua natureza pode ser singular no universo, a única capaz de oferecer aos seres humanos um habitat no qual eles podem mover-se e respirar sem esforço ou artifício. O mundo – artifício humano – separa a existência do homem de todo ambiente meramente animal; mas a vida, em si, permanece fora desse mundo artificial, e através da vida o homem permanece ligado a todos os outros organismos vivos. Recentemente, a ciência vem-se esforçando por tornar ‘artificial’ a própria vida (…)” .
Hannah ARENDT. A condição humana (1958).

The Blue Marble. Fotografia da Terra, tirada em 7 de dezembro de 1972 pela tripulação da missão Apollo 17, a uma distância de aproximadamente 45 000 km da Terra, a caminho da Lua.Oficialmente, a NASA credita a imagem a toda a tripulação da Apollo 17 — Eugene A. Cernan, Ronald E. Evans e Harrison H. Schmitt — todos tirando fotografias durante a missão, com uma câmara Hasselblad. Posteriormente, Schmitt alega que foi o autor desta imagem famosa, embora a identidade do fotógrafo não possa ser confirmada. The Blue Marble foi a primeira imagem nítida de uma face iluminada da Terra. Publicada no auge do ativismo ambiental durante os 1970s, a imagem foi vista por muitos como um retrato da fragilidade da Terra, vulnerável e isolada no espaço. Disponível em pt.wikipedia.org/wiki/The_Blue_Marble acesso em 18/07/2018

Esta página apresenta a estratégia de organização dos “Módulos de Tempo e Espaço” ou “TempoEspaço” Continuar lendo

conceituação

PRIMEIRA PARTE: APRESENTAÇÃO, CONCEITOS E MÉTODOS
Euler Sandeville Jr.

φύσις κόσμος αίων κρόνος καιρός
DO BIG BANG AO DEPOIS DE AMANHÃ
Como citar material deste sítio?↑

 

I. CONCEITUAÇÃO (apresenta a proposta do trabalho)

1. APRESENTAÇÃO. Euler Sandeville Jr. Página inicial do projeto.

2. ESCLARECIMENTOS AOS NAVEGANTES. Uma rápida apresentação do projeto que origina o sítio.

3. A PESQUISA: REPRESENTAÇÕES E POÉTICAS. Euler Sandeville Jr.

4. VISÕES DA NATUREZA E DO MUNDO. Euler Sandeville Jr. Conceituação para este projeto de “Natureza” e “Mundo”.

II. CRONOS: MUNDOS (Algumas questões de método)

1. UMA LINHA DO TEMPO. Euler Sandeville Jr. Gráfico de apoio.

COSMOS: MUNDOS. Euler Sandeville Jr. Página intuitiva de abertura da seção.

2. O DILEMA DE CRONOS (2016). Euler Sandeville Jr. Página intuitiva de abertura da seção.

3. O DILEMA DE CRONOS (2017). Euler Sandeville Jr. Página de abertura da seção.

4. BREVE ADVERTÊNCIA SOBRE PERÍODOS, E SOBRE A ORGANIZAÇÃO DA NAVEGAÇÃO NESTE SÍTIO. Euler Sandeville Jr. Página discute de modo sintético problemas, limites e validade das periodizações.

5. OS TEMPOS E OS MUNDOS. TODOS E PARTES. Euler Sandeville Jr. Apresenta a construção dos blocos temáticos que organizam as narrativas do sítio.

6. PLANETÁRIO. OS TEMPOS E OS MUNDOS. A PASSAGEM DOS TEMPOS E DOS LUGARES ∞. Euler Sandeville Jr. Apresenta o estágio atual de módulos temporais adotados no projeto  para organizar os estudos, as fontes e algumas narrativas.

 

OUTROS ↑

SOBRE O AUTOR

SOBRE O SÍTIO

COMO CITAR MATERIAL DESTE SÍTIO?

SOBRE AS IMAGENS DESTE SÍTIO

LICENÇA DE USO DO CONTEÚDO

POLÍTICA DE DIREITOS AUTORIAS

ATUALIZAÇÕES E AMADURECIMENTO DO PROJETO ENTRE 13/01/2016 E 02/04/2017↑. Euler Sandeville Jr. Este artigo é um registro da fase inicial da evolução e amadurecimento deste sítio, entre janeiro de 2016 e abril de 2017.

 

Foto Euler Sandeville, Folha, detalhe, 2009.

Folha, detalhe. Foto de Euler Sandeville, 2009.

 

 

Licença de Uso↑

Entre em contado conosco↑

Como citar material deste sítio?↑

 


núcleo de estudos da paisagem
a natureza e o tempo (o mundo)
um projeto de euler sandeville

 

 

 

 

 

 

 

 

 

breve advertência sobre períodos, e sobre a organização da navegação neste sítio

breve advertência sobre períodos, e sobre a organização da navegação neste sítio
Euler Sandeville Jr.
versão inicial 18/03/2016. Última atualização: 06/03/2017. Revisão importante em 25/02/2018, pequenas correções em 08/07/2018.

 

Ninguém no seu juízo pensaria que uma data, por mais relevante que seja na vida das pessoas ou das nações, por si mesma, demarcasse como uma linha de fronteira processos distintos da história. Da mesma forma as periodizações. No entanto, devemos reconhecer, são um recurso poderoso para criar significação no tempo. Por sua longa e continuada repetição passamos a organizar o conhecimento a partir de períodos que tendem assim a nos parecer naturais – renascimento, modernidade, etc. Mas não são. A história não foi assim, este é o modo como organizamos suas narrativas e a nossa compreensão.

Por vezes, esses períodos, repetidos desde cedo em nosso aprendizado do mundo e do tempo, acabam nos parecendo naturais, verdades. Ganham autonomia sobre aquilo a que se referem: nos dizem não só o que deve ser olhado e lembrado, e o que não deve ser olhado ou deve ser esquecido, mas também o como devem ser olhados esses objetos de lembrança, ou de esquecimento. Toda periodização Continuar lendo

cosmos: mundos

cosmos: mundos
por Euler Sandeville Jr.
11/04/2016

Latim: Schema huius praemissae divisionis sphaerarum. · Coelum empireum habitaculum dei et omnium electorum · 10 Decimum coelum primu mobile · 9 Nonu coelum cristallinum · 8 Octavum [coelum] firmamentu · 7 Coelu saturni · 6 [Coelu] Iovis · 5 [Coelu] Martis · 4 [Coelu] Solis · 3 [Coelu] Veneris · 2 [Coelu] Mercurii · 1 [Coelu] Lunae
Esquema da referido divisão das esferas. · O Empíreo céu (de fogo), habitação de Deus e de toda os eleitos · 10 Décimo Céu, causa primeira · 9 Nono céu, cristalino · 8 Oitavo céu do firmamento · 7 Céu de Saturno · 6 Jupiter · 5 Marte · 4 Sol · 3 Venus · 2 Mercúrio · 1 Lua. Fonte: Peter Apian, Cosmographia, Antuépia, 1524 (fonte mencionada Edward Grant, “Celestial Orbs in the Latin Middle Ages”, Isis, Vol. 78, No. 2. (Jun., 1987), pp. 152-173.) Disponível em commons.wikimedia.org/wiki/File:Ptolemaicsystem-small.png. Acesso em 30/01/2016.

Simulação do cosmo em bilhões de anos (Künstlicher Kosmos emuliert Milliarden Jahre im Zeitraffer Simulation des Universums Künstlicher Kosmos emuliert Milliarden Jahre im Zeitraffer, Video: Nature Video, Foto: Illustris Collaboration). Imagem capturada da página de apresentação do vídeo. Fonte: sueddeutsche.de/wissen/simulation-des-kosmos-forscher-erschaffen-digitales-universum-1.1953657 Acesso em 30/01/2016

 

como citar material desta página: Continuar lendo

uma linha do tempo

uma linha do tempo
Euler Sandeville Jr.

 

Exemplo de uma linha do tempo tradicional, dando uma ideia de sequenciação linear do tempo e a possibilidade reconfortante de situar eventos em um quadro interpretativo, definindo assim a priori sua significação. Embora possamos discordar de vários aspectos dessa representação, considero interessante para uma visualização da forma tradicional de conceber a história, e de interesse didático para etapas iniciais de estudo ao ajudar a localização temporal e espacial (em alguma medida) do estudante.

 

Concepção e organização Euler Sandeville (1983, revisado) Continuar lendo

o dilema de cronos (2016)

o dilema de cronos (2016)
Euler Sandeville Jr.
06/03/2016

As imagens a seguir propõem uma reflexão sobre o dilema do tempo, seu simbolismo, seus ciclos e a profunda vinculação entre a vida e morte que o tempo sugere em nossa cultura, em seu desejo tenaz de persistência e o drama de sua passagem.

Zeus e Hera, Museu Albertina (1750), Viena. Zeus (Ζεύς), era o pai dos deuses e dos homens com a autoridade sobre os deuses olímpicos, após destronar Cronos, seu pai, que havia devorado os filhos e obrigá-lo a vomitá-los. (fonte: pre09.deviantart.net/05b4/th/pre/i/2006/203/f/6/vienna_statue_by_darkdeutsch.jpg acesso 22/01/2016)

Templo de Zeus em Olímpia, 2006, com o local onde se encontrava a estátua de Zeus realizada por Fídias, no século V a.C. por volta de 450 a.C, quando a cidade já caíra sob o domínio de Esparta, considerada a quinta maravilha do mundo antigo. (fonte: commons.wikimedia.org/wiki/File:Tempio_di_Zeus_Olimpia_April_2006.jpg acesso 22/01/2016)

como citar material desta página Continuar lendo

o dilema de cronos (2017)

O dilema de cronos (2017)
Euler Sandeville Jr.
20/07/2017

como citar:
SANDEVILLE JR., Euler. “O dilema de cronos (2017)“. A Natureza e o Tempo (o Mundo), on line, São Paulo, 2017. Disponível em https://anaturezaeotempo.net.br/2018/06/15/o-dilema-de-cronos/  acesso em DIA/MÊS/ANO.

Esta seção deve problematizar o tempo. Ou melhor, o modo como lidamos com a ideia de tempo. O tempo é inerente à nossa visão da natureza e do mundo, mas nem sempre foi, como diria Robert Lenoble à respeito da ideia de natureza, o mesmo. Nem todas as épocas conceberam o tempo do mesmo modo, nem Continuar lendo